26 agosto 2013

E agradeço a você por botar esse sorriso bobo no meu rosto de novo. ♥


E eu tive medo. Medo de não dar certo, medo de me entregar, medo de fugir do meu controle. Tive medo de me deixar vulnerável, medo de me desarmar, medo de sofrer. Tive muito medo, mas quando é para ser não existe medo; e foi assim com a gente. Nossa química, nossos olhares se encontrando, nossos sorrisos, nossos corpos unidos em um abraço. Nossos medos se desmancham aos poucos e tudo que eu ouço são os nossos batimentos cardíacos: acelerados e nervosos. Aconteceu. Nossos sentimentos falaram mais alto, o destino conspirou, e seja lá o que nos moveu, eu agradeço. E agradeço a você por botar esse sorriso bobo no meu rosto de novo.
 Bianca Martins

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...